Como Otimizar as Imagens para os Motores de Busca

como-otimizar-imagens-topo

A utilização de imagens nos sites é uma coisa normal e até recomendada porque em muitos casos fazem com que os usuários leiam e explorem mais o site. As imagens podem também ser usadas para melhorar as posições de algumas páginas nos resultados das procuras dos motores de busca e também para receber tráfego de serviços como o Google Images.

Para que isto seja possível as imagens devem de estar bem otimizadas e por isso neste artigo falamos sobre a otimização de imagens, ensinamos a otimizar o SEO de uma imagem e também damos algumas dicas para poder receber mais tráfego de sites como o Google, Google Images, Bing e Yahoo.

Otimizar imagens para melhor SEO

Dos mais conhecidos, o Google é o site que melhor consegue indexar imagens e o que mais tráfego pode trazer, por isso estas dicas são direccionadas para o Google, apesar de também funcionarem nos outros motores de busca.

É importante referir que a utilização excessiva de imagens pode deixar o seu site lento e isso é mau para os usuários que visitam o seu site e também tem consequências negativas no posicionamento do seu site nos resultados das SERP’s.

1. Nome da imagem adequado e descritivo

Utilize sempre um nome para a imagem que seja descritivo e relevante. Evite utilizar nomes genéricos como Imagem 2.jpg ou IMG003.jpg, uma vez que estes nomes não lhe dão qualquer benefício para o SEO.

O ficheiro com o nome otimizar-imagens.jpg, ajuda-o a ganhar um ranking no Google Images, quando alguém procura pela frase “Otimizar Imagens”.

2. Escreva sempre um bom Alt Text

O atributo “alt” é sempre muito importante. O Matt Cutts fez um vídeo a algum tempo atrás explicando a sua importância e como deve de ser usado:

3. A importância das descrições e dos títulos

optimizar imagens seo

Exemplo para um artigo com dicas para SEO

Para os utilizadores de WordPress é bastante fácil, dado que o sistema dá a opção de incluir um título e uma descrição, quando é feito o upload de uma imagem. Neste momento, tem a opção de fornecer informações descritivas e de permitir que o Google tenha uma noção do que a imagem trata.

4. Imagem coerente no contexto

Assim como o nome da imagem e do alt text, a Google também utiliza o conteúdo da página para determinar sobre o que a imagem é. Por isso, tente fazer uma ligação entre as imagens e o conteúdo para melhores resultados nas SERPs.

5. Qualidade das imagens

A qualidade das imagens é muito importante, tente sempre utilizar imagens nítidas, coloridas e visualmente ricas para obter uma melhor classificação e para os SERP’s do Google.

6. Tamanho e formato das imagens

Se fizerem uma procura rápida no Google Images vão reparar que este motor de busca dá mais prioridade a imagens bem otimizadas no tamanho e ao formato .jpg/.jpeg. Penso que isto acontece porque este formato consegue ter uma boa qualidade e ao mesmo tempo um tamanho aceitável.

Recomendo que use o formato .jpg ou .png, com uma qualidade aceitável e com um tamanho (“peso”) otimizado. Para otimizar o tamanho das imagens pode usar ferramentas como o Smush.it ou a opção “save for web” do photoshop.

Fonte: WPTotal

Postagens Relacionadas