5 dicas para revolucionar o marketing da sua empresa

5-dicas-revolucionar-marketing-empresa-topo

São Paulo – Para as pequenas empresas, o investimento em marketing é crucial. Se colocar muito dinheiro, pode prejudicar outras áreas. Se não investir nada, não há como garantir que o negócio vai decolar.

Este equilíbrio é vital para que os empreendedores entendam seu produto e seu mercado consumidor. Veja abaixo cinco dicas de marketing simples para melhorar sua empresa.

1.Para começar, invista

Não há como esperar resultados sem investir em marketing. Há duas formas mais comuns de investimento. A empresa pode destinar um percentual do faturamento para a área ou definir um orçamento fixo. O importante é não deixar de dar atenção a este departamento.

2. Monte uma boa equipe

O próximo passo é ter por perto bons profissionais de marketing. A partir de um planejamento estratégico, defina quais são seus objetivos e como a equipe irá trabalhar. Entre as funções desta área estão pesquisa de mercado e comportamento do consumidor, marketing de produtos e serviços, comunicação integrada de marketing, gestão de preços, branding, e gestão de vendas.

3.Não erre no atendimento

Se você não pode investir rios de dinheiro, dê atenção ao atendimento. Quando o cliente é bem atendido e sai satisfeito, ele vira um instrumento de propaganda da sua empresa. Por isso, treine bem os vendedores para que o primeiro contato com o consumidor seja impecável.

4.Não copie a concorrência

Na hora de fazer uma nova campanha, não caia na tentação de copiar o que o concorrente faz. Com a fórmula desgastada, o consumidor para de prestar atenção e todo o investimento será desperdiçado. As campanhas devem ser pensadas com objetivo de retorno.

5.Acerte nas promoções

Outro ponto comum é o erro em promoções. Ao liquidar um produto, não engane o cliente nem ofereça apenas queima de estoque. Não atraia o consumidor oferecendo algo que ele não deseja comprar. Lembre-se de que as liquidações são ótimas oportunidades de mostrar sua empresa a novos clientes.

Fonte: Revista EXAME

Postagens Relacionadas